quarta-feira, 30 de março de 2011

Novidade no Blog

O Blog do Sapão agora terá um espaço reservado aos principais dados estatísticos do time. Os jogos, aproveitamento, artilharia estarão sempre disponibilizados na tela principal do blog, no quadro "Artilharia e Jogos" a direita.

domingo, 13 de março de 2011

sábado, 12 de março de 2011

Na mão do Técnico



Depois do atípico revés no ultimo jogo, o Trevosk voltou a mostrar um bom futebol contra a equipe do Amigos Formiga. Após um susto inicial, com um golaço relâmpago do adversário, o Sapão impôs seu toque de bola e ao natural, virou o jogo, ampliou e conseguiu manutenção da folga com certa propriedade. O Técnico Volnei Britto parece definitivamente conhecer seu elenco e assim tem conseguido inserir um razoável padrão de jogo a equipe. Destaque para o bom futebol de Bértemes, Gordo e Marcelo que praticamente costuraram o resultado. O aspecto negativo ficou por conta do excessivo nervosismo de alguns jogadores, principalmente da equipe visitante com as decisões da arbitragem.
Trevosk 8x5 Amigos Formiga
Sitio da Loreca
12.03.2011
Trevosk - Paçoca, Odair, Kaveyra, Bértemes, Marcelo, Gordo, Ricardo, Vilson, Daniel Pato e Vitinho
Técnico - Volnei Britto
Arbitragem - Phelippe Maga
Gols - Marcelo (2), Bértemes (2), Daniel Pato (2), Odair e Gordo.

terça-feira, 1 de março de 2011

Entrando para História


Sabe-se que a posição de goleiro é uma das mais ingratas no mundo do futebol e no Trevosk isso é comprovado com a intensa troca de jogadores nessa posição. Já foram 28 jogadores que tiveram essa experiência no Sapão, apenas dez desses conseguiram superar a marca de 10 jogos.
O jogo contra o BV Financeira foi um marco nesse sentido, pois nele o goleirão Paçoca alcançou 18 jogos vestindo a número 1. Ele ultrapassou o, até então, recordista guarda redes Junar que tinha 17 partidas completas.
Paçoca tomou 83 gols nesses 18 jogos, obtendo uma média de 4,6 gols por jogo. A frieza dos números não agrada, mas corresponde praticamente à média histórica do time (4,4), o que comprova que os problemas vão muito além das responsabilidades dos goleiros. Paçoca tem feito boas apresentações e conta com a confiança e apoio da torcida para ampliar cada vez mais esse recorde.

Goleiros que fizeram história:
Paçoca – 18 jogos
Junar – 17 jogos
Ernesto – 16 jogos
Renato – 13 jogos
Alemão (Barroco) – 12 jogos
Maicon Prego e Vitor – 11 jogos
Lerdex , João Guilherme e Ricardo – 10 jogos