terça-feira, 30 de agosto de 2011

Nomes de nossa História - XXV Anos


Nomes e números nos 25 Anos do Trevosk:

- 86 jogadores já defenderam as cores do Sapão

- 28 jogadores já jogaram como goleiros

- o Trevosk já jogou em 24 locais diferentes.

- o Trevosk já utilizou 8 jogos de camisas diferentes (o nono será estreado em breve)

Dos 86 jogadores da história, 26 fizeram pelo menos 15 partidas:

Alex
B1
Bani
Barroco
Bértemes
Beto
Daniel Pato
Ernesto
Fábio
Fiel
Formão
Giv
Gordo
Irani
Julinho
Junar
Kaveyra
Kilian
Marcelo Posto
Odair
Paçoca
Renato
Ricardo
Vilson
Vitinho
Wolnei

8 fizeram pelo menos 10 partidas:

João Guilherme
Lerdex
Maicon Prego
Odivan
Pinto
Púnior
Seir
Sidnei

13 fizeram pelo menos 3 partidas:

Adilson Bokas
Bizarro
Clemer
Digão
Dutra
Isjunior
Jaques
Juscelino
Léo
Lobinho
Mamão
Orelha
Rodrigo Podrão

39 Fizeram no máximo 2 partidas:

Adilson
Advoguer
A. Fronza
Bi
Cabeça
Caralhel
Caveira
Cesar
Eron
Evandro
Fantik Infernoso
Felipe
Formiga
Gabriel
Gaúcho
Gercino
G
erivelton
G
respói
J
ulio Satã
Jean Vitor

João Lucio
Laercio Galego
Luis Jorginho
Mano
Marcelo
Marcelo Avaí
Marcio Matias
Marcus
Mario
Michel

Negão
Paulo Maluco
Piupiu
Prim
Ronaldinho
Tiago
Tubarão
Zoca

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

A Palavra do Técnico

O Técnico Wolnei Brito fez a seguinte analise na boa vitória do Trevosk sobre o Sesi. Segue trecho de sua coletiva após o embate:


“Foi um jogo muito difícil, tivemos um adversário aguerrido que nos impôs forte marcação dificultando as nossas armações.
A equipe saiu com uma escalação mais ofensiva com Ricardo e Pato mais adiantados, mas fomos surpreendidos com dois gols relâmpagos e continuamos sendo pressionados. Fizemos uma alteração que considero providencial, que foi a entrada do Vilson no meio campo no lugar do Ricardo, com isso, conseguimos compactar o meio, pois o Marcelo (excelente partida), estava sobre carregado, com isso estabilizamos o time, equilibramos o jogo e os gols saíram normalmente.
No segundo tempo a equipe adversária novamente tentou uma marcação forte na saída de bola, dificultando as nossas ações, e ainda tivemos a contusão do Kaveyra, mas a equipe foi solidária, com o Odair assumindo a zaga, Renato sempre polivalente assumiu a ala direita, Bértemes o meio campo e conseguimos neutralizar as investidas da aguerrida equipe adversária.
Parabéns aos nossos atletas que conseguiram superar as adversidades e conquistaram um ótimo resultado, lembro que a equipe adversária tinha 4 atletas no banco de reservas.”
27.08.2011

Local - Sitio da Loreca

Trevosk 8x5 Sesi

Trevosk - Paçoca, Odair, Kaveyra, Marcelo, Bértemes, Ricardo e Pato (Renato, Vilson)

gols - Pato (5), Odair, Marcelo e Ricardo.

Arbitro - Marcos Piangers


domingo, 14 de agosto de 2011

Passeio contra descamisados


Em ritmo de treino contra um time apático, desfocado, atrasado, sem reservas e desorganizado coletivamente o Trevosk fez o dever de casa e aplicou fáceis 13 a 2. Foi uma partida sem muitos atrativos onde o Sapão pouco ou nada sofreu em termos defensivos. A equipe dos Amigos do Tuba nem mesmo uniforme quis usar argumentando que “jogaria” outra partida naquele mesmo dia. Pelo visto estava se poupando para esse compromisso.
13.08.2011
Trevosk 13x2 Amigos do Tuba
Trevosk – Paçoca; Odair; Barroco; Bértemes; Gordo; Marcelo e Ricardo. (Pato; Vitinho; Vilson e Kaveyra)
Arbitro – Renato “Heber Lopes” Avila
Gols – Pato (4); Gordo (2); Bértemes (2); Odair (2);Vilson; Barroco e Marcelo.
OBS - A partida entrou para a história sendo a maior goleada (diferença de gols-11) aplicada pelo Trevosk (correção - a Maior goleada foi em 28.05.2011 18x6 nos Amigos do Digão)